A Abracerva repudia qualquer tipo de assédio!

Sem protagonismo da associação, apenas dando respaldo a um depoimento da nossa associada, Carolina Oda, pra que reverbere em nosso meio e que possamos dar voz a todas as mulheres que já passaram ou passam pela mesma situação.

A Abracerva se solidariza com você, Carol. Estamos junt@s!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *